Moinho de rolos

O moinho é um equipamento para laboratório utilizado para reduzir o tamanho das partículas sólidas.

O moinho de rolos triplos encontrado na Gehaka é ideal para homogeneização dos produtos de alta aderência e viscosidade, permitindo a mistura homogênea entre os componentes sólidos e líquidos.

Desenvolvido para dispersão de produtos cremosos e pastosos como os cosméticos.Indicado para as mais difíceis dispersões, como as de hormônios, anestésicos, filtros solares e pigmentos, e para a finalização de fórmulas, reduzindo o tamanho das partículas, ninhos de partículas secas e grumos.

O MRG2020 é um moinho de rolos específico para farmácias de manipulação, que tem como objetivo atender às necessidades do segmento, dinamizando o processo de homogeneização de materiais sólidos, manipulando pigmentos e, com isso, diminuir o tempo de confecção e a qualidade do produto final. 

Construído inteiramente em aço inoxidável, o MRG 2020 é um moinho composto por três rolos finalizados em cromo duro, que têm a função de quebrar os sólidos expostos a seu mecanismo, girando constantemente em velocidades diferentes.

O moinho é dotado de dois rolos traseiros, que puxam o material e o rolo frontal o aperta à espessura máxima de 10 micra, ou seja, dez milésimos de milímetro. A partir dessas determinações, os componentes solidificados da fórmula adquirem uma consistência homogênea por meio de cilindros que se chocam uns nos outros e posteriormente são retirados por um raspador.

É importante lembrar também que, por ter rolos revestidos com cromo duro, o profissional pode utilizar várias matérias-primas no moinho, além de trabalhar com bases e pigmentos diversos. Os equipamentos até então disponibilizados no Brasil têm somente rolos de cerâmica, que limitam a fabricação de produtos apenas na cor branca.

Com a chegada do MRG2020, elevou-se a gama de produtos e foi eliminada a contaminação cruzada, que é outra grande preocupação nas farmácias, face às boas práticas de manipulação.

Os cilindros trabalham em direções opostas e são regulados individualmente. Todos os componentes são totalmente homogeneizados, retirando-se o ar do produto e reduzindo ao mínimo o tamanho das partículas sólidas. Com isso, o creme, por exemplo, fica essencialmente ativo devido à facilidade de aplicação e à profunda penetração na pele.

Dentre as características importantes do dispositivo, está um controlador digital, com tela sensível ao toque, que proporciona ao usuário um controle ainda maior de sua produção, como o controle exato da velocidade dos cilindros, que variam de 300 RPM, o recomendado pela marca, até 700 RPM.  A tecnologia digital também auxilia em casos de dúvidas na operação, pois o controlador do moinho incorpora um guia rápido, de fácil acesso ao farmacêutico.

O moinho apresenta boas condições de durabilidade, com poucas chances de desgaste por ser feito totalmente em aço inoxidável e com rolos revestidos em cromo duro. Isso também facilita o seu processo de limpeza a cada troca de fórmula.

Outros fatores importantes são as interfaces de dados tipos Serial RS232C e USB 2.0, que possibilitam o controle do moinho por meio de um computador. Também eliminam perdas de amostras e podem ser usados para qualquer formulação e viscosidade, com produção silenciosa, mínima ocupação de espaço sobre a bancada e maximização dos benefícios das fórmulas para os pacientes.